Carrinho

Pequenas mudanças fazem bem à saúde do coração

Segundo o Ministério da Saúde, as doenças cardiorrespiratórias respondem, hoje, a cerca de 30% das mortes no Brasil. São números assustadores mesmo, com os problemas do coração liderando os óbitos no país. Cuidar melhor desse órgão vital é uma tarefa diária – e para assumir desde cedo na vida.

pequenas-mudancas-fazem-bem-a-saude-do-coracao

 

Muitas medidas são recomendadas para isso – e a própria Sociedade Brasileira de Cardiologia costuma fazer várias recomendações nesse sentido.

Três delas são hábitos determinantes que se deve adotar ou modificar de imediato. Tudo bem, pode não ser simples – para muitos, são verdadeiros desafios –, mas com certeza vale a investida.

Parar de fumar

É crucial deixar o tabagismo para não causar danos ao coração. Entre outras coisas, fumar permite a redução do fluxo de sangue para os tecidos, aumento da pressão arterial, aumento da frequência cardíaca, redução do colesterol bom (HDL). Busque apoio e abandone o cigarro o quanto antes.

Mudar o “paladar infantil”

Muitas pesquisas mostram que, desde a infância, o ser humano é impelido a escolher alimentos que pareçam mais gostosos (normalmente, o apelo comercial faz diferença nessa escolha). Só que essas comidas são também mais gordurosas e, em quantidade, trazem ao organismo elementos dispensáveis ou que aceleram o ganho de peso (inimigo mortal do coração).

Dormir mais e melhor

Um sono reduzido, atribulado e que não revigora o corpo e a mente implica em estresse. O coração também sofre com isso. Especialistas nos ciclos circadianos (o ritmo do sono) dão algumas dicas para dormir melhor: respeitar os horários – e fazer pelo menos 8 horas de sono contínuo – fica mais fácil quando nos alimentamos com comidas mais leves à noite, abandonamos o uso de eletrônicos pelo menos uma hora antes de ir deitar e não nos envolvemos com tarefas que tragam preocupação (como pagar contas) quando chega a noite.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.